Tecnologia

Publicado em abril 21st, 2016 | Por Adilson Junior

0

Saiba quais operadoras da PB não aderiram ao limite de dados na internet fixa

Apesar de operadoras de banda larga estarem disponibilizando o acesso à internet fixa por meio de franquias, impondo limite de navegação ao consumidor, o Marco Civil da Internet deixa claro que companhias de telecomunicações só podem impedir acesso ao cliente que deixar de pagar a conta. O alerta é da Associação Brasileira de Defesa do Consumidor, conforme divulgado pelo Correio Online. Veja abaixo quais operadoras na Paraíba oferecem internet fixa sem limite de dados.

Em 2014, um estudo divulgado pela empresa de tecnologia americana Akamai revelou a velocidade média da internet banda larga em 54 países. O Brasil, empatado com o Vietnã, obteve uma média de 2,9 Mbps, a nona pior, atrás dos vizinhos Argentina (4,2 Mbps) e Uruguai (5,6 Mbps). Como destaque do estudo, aparece a Coreia do Sul, com a média de 24,6 Mbps, mais de oito vezes a média brasileira.

Um ano antes, uma pesquisa da Fundação Getulio Vargas (FGV) mostrou que o país tinha a segunda internet mais cara do mundo, graças também aos altos impostos aplicados no setor (40%). O estudo relacionava o preço médio da banda larga com a renda per capita. Esta semana, diante do crescimento das repercussões via redes sociais sobre a intenção das operadoras, o Governo Federal solicitou à Anatel que adote medidas para que as empresas não cometam abusos.

Em ofício, o Ministério das Comunicações orientou a agência avaliar a situação e fiscalizar as empresas para que os contratos sejam cumpridos.

Na Paraíba

Três operadoras locais não aderiram à tática conjunta das grandes para cercar o consumidor e deixá-lo sem saída: a BR27 – cuja rede é instalada em fibra ótica e já começa a chegar a alguns bairros da Capital  – a Brisanet e Voax Telecom.

portalcorreio

svs2 pbnet


Sobre o autor



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ir para o topo ↑